Notícias
Médicos do Hospital Madre Teresa recebem Medalha da Ordem do Mérito do Trabalho Getúlio Vargas
A condecoração é um reconhecimento do Ministro do Trabalho e do presidente da República

Na última sexta-feira, dia 7 de dezembro, o Ministro do Trabalho, Caio Vieira de Melo visitou o Hospital Madre Teresa (HMT), acompanhado do Superintendente Regional do Trabalho e Emprego de Minas Gerais, Dr. João Carlos Gontijo de Amorim e do médico, Dr. Caio Fidelis de Campos Aguiar. Na ocasião ele homenageou o coordenador do serviço de Hemodinâmica do HMT, Dr. Marcos Antônio Marino e o cardiologista Dr. Walter Rabelo, com a medalha da Ordem do Mérito do Trabalho Getúlio Vargas.


O médico Caio Aguiar, o cardiologista Dr. Walter Rabelo, o Ministro do Trabalho, Dr. Caio Vieira de Melo, o coordenador da Hemodinâmica, Dr. Marcos Marino e o Superintendente Regional do Trabalho e Emprego de Minas Gerais e Dr. João Carlos Amorim.

A condecoração é conferida a profissionais e instituições que contribuem para a produção, a coletividade, saúde e bem-estar, tanto no setor público quanto em representações de trabalhadores e empresas. De acordo com o Ministro do Trabalho, a Comenda é um reconhecimento dele e do presidente da República, Michel Temer aos serviços de excelência desenvolvidos em benefício da sociedade. “Conheço o hospital há muitos anos e admiro o excelente trabalho desenvolvido pelos doutores Marcos Marino e Walter Rabelo”, diz.

O Superintendente Regional do Trabalho e Emprego de Minas Gerais ressalta a grandeza do HMT e enaltece o trabalho dos médicos. “Nos orgulhamos do Hospital Madre Teresa. É uma instituição referência no estado e no Brasil. É um registro que merece respeito, porque é identificada através de um conselho ligado à Casa Civil, através de um decreto presidencial”, explica.

O diretor administrativo do Hospital Madre Teresa, Sr. Marcos Vete agradece a homenagem entregue aos doutores. “Sentimos felizes e honrados em receber a honraria e nos orgulhamos com a homenagem e reconhecimento prestado a esses dois médicos que fazem parte da história do hospital”.