EQUIPE DE COLOPROCTOLOGIA DO HOSPITAL MADRE TERESA PROMOVE SEMANA DIGITAL PARA CONSCIENTIZAÇÃO DAS DOENÇAS DO INTESTINO

Publicado em: 15/9/2020


Na próxima semana de 21 a 25 de setembro, o Hospital Madre Teresa (HMT) promoverá a “Semana de Conscientização das Doenças do Intestino”. A campanha será totalmente on-line por meio das Redes Sociais do HMT com publicações diárias e lives para abordar o tema.

O objetivo da ação é informar, conscientizar, desmistificar e esclarecer dúvidas sobre as doenças do intestino como o câncer colorretal, doença de Crohn, colites e outras doenças do órgão.

O câncer de intestino é considerado o 3º tipo mundial de tumor mais comum. A prevenção começa com o exame de colonoscopia para rastreio dos pólipos que antecedem o tumor, sendo que o exame inicia a partir dos 45 anos.

“É importante disseminar a informação que o câncer é curável na fase inicial em 100% dos casos e que pode ser evitado com exame do reto e colonoscopia”, afirma a coordenadora do serviço de Coloproctologia do Hospital Madre Teresa, Dra. Hilma Nogueira da Gama. Ela alerta para a incidência do câncer de intestino em pessoas cada vez mais jovens.




EQUIPE DE COLOPROCTOLOGIA DO HOSPITAL MADRE TERESA PROMOVE SEMANA DIGITAL PARA CONSCIENTIZAÇÃO DAS DOENÇAS DO INTESTINO

Publicado em: 15/9/2020


Na próxima semana de 21 a 25 de setembro, o Hospital Madre Teresa (HMT) promoverá a “Semana de Conscientização das Doenças do Intestino”. A campanha será totalmente on-line por meio das Redes Sociais do HMT com publicações diárias e lives para abordar o tema.

O objetivo da ação é informar, conscientizar, desmistificar e esclarecer dúvidas sobre as doenças do intestino como o câncer colorretal, doença de Crohn, colites e outras doenças do órgão.

O câncer de intestino é considerado o 3º tipo mundial de tumor mais comum. A prevenção começa com o exame de colonoscopia para rastreio dos pólipos que antecedem o tumor, sendo que o exame inicia a partir dos 45 anos.

“É importante disseminar a informação que o câncer é curável na fase inicial em 100% dos casos e que pode ser evitado com exame do reto e colonoscopia”, afirma a coordenadora do serviço de Coloproctologia do Hospital Madre Teresa, Dra. Hilma Nogueira da Gama. Ela alerta para a incidência do câncer de intestino em pessoas cada vez mais jovens.